Bairros

Adolescente é baleado e morto na Zona Norte do Rio | Rio de Janeiro

Um adolescente de 17 anos, identificado como Cauã da Silva Santos, foi baleado e morto após sair de um evento na noite desta segunda-feira (4), em Cordovil, Zona Norte do Rio.

Segundo familiares, Cauã teria sido baleado no peito por um policial militar ao deixar um evento que recebia crianças na comunidade do Dourado. Eles contam que ele era lutador de jiu-jitsu e luta livre há três anos, integrava um projeto social na região e não tinha envolvimento com o tráfico de drogas.

Os parentes dizem ainda que depois de baleado, o corpo foi lançado em um valão. Eles tiraram Cauã e levaram para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha, na tentativa de socorrer o adolescente. O corpo ainda estava na unidade na manhã desta terça (5), no setor de necropsia.

Segundo moradores, o jovem estava sentado na calçada quando foi baleado. O corpo do adolescente teria sido deixado em uma vala.

“Nós estávamos indo para casa quando os caras já vieram atirando em geral. Nós gritamos no beco: é morador! É morador! Eles largando tiro. Quando um morador parou no nosso lado e chamou para casa dele. Quando nós vimos, ele, os ‘cana’ largaram um tiro no peito dele e jogaram ele dentro do riacho. Sangue frio. Nós gritando que é morador. Gritando, todo mundo gritando”, afirmou um morador que não quis ser identificado.

Os moradores afirmam que não havia operação ou troca de tiros no momento que Cauã foi baleado.

Houve um protesto na região após o caso.

Fonte: Internet

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo