Bairros

Operação mira traficantes de conjunto habitacional de Volta Redonda | Rio de Janeiro


Ação também cumpre 25 mandados de prisão em Volta Redonda, Pinheiral e Senador Camará – Divulgação/MPRJ

Ação também cumpre 25 mandados de prisão em Volta Redonda, Pinheiral e Senador CamaráDivulgação/MPRJ

Rio – Uma operação nesta quinta-feira (7) mira 13 criminosos da facção Terceiro Comando Puro (TCP), que atuam no tráfico de drogas da região do conjunto habitacional do programa Minha Casa, Minha Vida, no bairro Três Poços, em Volta Redonda. Até o momento, oito pessoas foram presas. Além das prisões, o objetivo é também cumprir 25 mandados de busca e apreensão, em endereços ligados aos denunciados no município e em Pinheiral, no Sul Fluminense, e em Senador Camará, na Zona Norte do Rio. Agentes já apreenderam drogas e munições. 

A ação é realizada pelo Grupo de Atuação Especializada de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), pela Coordenadoria de Segurança e Inteligência (CSI), ambos do MPRJ, em parceria com a Polícia Militar. De acordo com a denúncia, o grupo utiliza diversos tipos de armas de fogo para controlar o tráfico de drogas nas imediações do condomínio e adolescentes para a prática de crimes, que incluem homicídios de integrantes de facções rivais, confrontos com forças de segurança e outros bandos criminosos, construção de barricadas em vias públicas e atos de ‘justiçamento’ contra pessoas que não seguem suas determinações. Há indícios que apontam que o grupo tem o domínio da região onde atua, sendo necessária autorização dos líderes para eventos serem realizados no local.

Segundo o MPRJ, a associação criminosa é marcada por uma clara e organizada estruturação e divisão de tarefas nas funções de liderança local, com gestão do esquema criminoso; proteção de pontos estratégicos das comunidades, com o porte ostensivo de armamentos; recolhimento, contabilidade e repartição dos lucros ilícitos; armazenamento, transporte, preparo e venda das drogas; além do monitoramento de pontos estratégicos da sua localidade de atuação, com o objetivo de alertar aos demais membros sobre a presença das forças de segurança pública e de outras facções.

Fonte: Internet

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo