Vagas de Emprego

Sem Chip! Android 13 pode possibilitar vários números no aparelho

O Android 13 será lançado no segundo semestre deste ano (2022), pelo menos essa é a promessa do Google. Um dos objetivos é oferecer a possibilidade de o usuário ter diversos número de telefone em um único aparelho. No caso, isso seria viabilizado sem a necessidade de múltiplos chips nos compartimentos do smartphone.

Veja também: Descubra como recuperar uma mensagem apagada no WhatsApp

A notícia foi popularizada a partir da publicação de um jornalista especializado no assunto, Mishaal Rahman. De acordo com ele, o recurso teria até nome: Multiple Enabled Profiles, ou em português seria Múltiplos Perfis Ativados (a tradução é livre e literal).

Android 13 vai possibilitar múltiplos perfis de SIM em apenas um

Segundo as informações de Rahman, a ferramenta é capaz de aglutinar diversos registros SIM em apenas um eSIM (SIM digital). Portanto, este seria um passo concreto para acabar de vez com a existência dos chips para celular. Afinal, as linhas telefônicas estariam compactadas de modo virtual dentro do aparelho por meio do eSIM.

Outro ponto de destaque é que esse conceito ou recurso, se preferir, pertence ao Google há 2 anos. A empresa de tecnologia patenteou os múltiplos SIMs digitais em 2020. No entanto, até hoje nenhum pronunciamento oficial foi feito pelo Google.

Rumores envolvem lançamento do Android 13

Em outras palavras, a verdade é que os Múltiplos Perfis Ativados ainda são apenas rumores que envolvem o lançamento do Android 13. Não existe qualquer confirmação oficial do Google sobre o lançamento do recurso.

A verdade é que os usuários ficariam felizes em poder ter vários números em apenas um aparelho. Principalmente empresas que lidam com aplicativos de mensagens poderiam centralizar o atendimento em poucos dispositivos. Contudo, ainda é preciso entender como funcionaria a administração do recurso.

Embora a novidade seja chocante, cuidar de vários contatos em apenas um celular parece algo, no mínimo, confuso. Fato é que o problema de “chip mal inserido” acabará de vez a partir da utilização de um eSIM, por exemplo.

Fonte: R7.com

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

banner
Botão Voltar ao topo